Entrevista a Diego Montserrat, guarda-redes da selecção uruguaia de futebol de praia

8 Fev

Na sequência da recente conquista da XII Copa Latina de Futebol de Praia por parte do Uruguai, o BEACH SOCCER RESTELO procurou entrevistar um dos intervenientes na competição, preferencialmente da equipa vencedora. Foi nesse contexto que tentámos entrar em contacto com Diego Montserrat, o emblemático guarda-redes da selecção uruguaia de futebol de praia, que desempenha também a função de capitão de equipa.

Selecção Uruguaia na foto de equipa antes do confronto inaugural da Copa Latina, diante da Argentina. Diego Montserrat é o quarto elemento da fila de cima, envergando o equipamento verde destinado aos guarda-redes.

Felizmente, o Diego revelou-se-nos uma pessoa de fácil acesso, mostrando-se muito receptivo ao nosso projecto e acedeu em contribuir para o mesmo com uma entrevista. Assim, elaborámos um conjunto de questões, que posteriormente enviámos via e-mail ao guarda-redes, que já defende as cores do seu país há mais de 10 anos!

Agradecemos imenso ao Diego por termos podido contar com a sua colaboração e desejamos boa sorte para os compromissos futuros da selecção uruguaia. É, de facto, um privilégio receber o apoio de uma figura icónica do futebol de praia mundial!

ENTREVISTA

Com a dinâmica de vitória gerada pelo histórico triunfo diante do Brasil e pelo título inédito na Copa Latina 2011, tendo em mente a qualificação para o Campeonato do Mundo FIFA 2011, num torneio de apuramento a realizar no Rio de Janeiro em Maio, as perguntas incidiram fundamentalmente sobre as emoções da mais recente conquista do Uruguai e as expectativas de Diego para a temporada de 2011. Sem mais demoras, apresentamos, seguidamente, a entrevista do BEACH SOCCER RESTELO a Diego Montserrat.

BEACH SOCCER RESTELO: Diego, como guarda-redes e capitão da selecção nacional do Uruguai, qual foi a sensação de derrotar o Brasil e vencer, pela primeira vez, a Copa Latina de Futebol de Praia?

Diego Montserrat: Um sentimento de alegria e felicidade. Depois de muito sacrifício e trabalho conseguimos vencer o Brasil e isso é importante para dar confiança à equipa, com vista à qualificação para o Mundial.

BEACH SOCCER RESTELO: Embora o Uruguai tenha vencido todos os seus adversários, os jogos foram equilibrados. Quais foram os desafios mais difíceis para a equipa no torneio?

Diego Montserrat: O nível de competição foi muito equilibrado. As distâncias vão-se encurtando, mas eu acredito que o Brasil é sempre a equipa mais difícil, a equipa a bater. Ainda assim, acho que os outros também têm feito grandes progressos.

BEACH SOCCER RESTELO: Apesar da importância das vitórias contra a Argentina e o México, ganhar ao Brasil tem sempre um significado especial. A única vez em que o Uruguai derrotara o Brasil fora em 2005, na extinta Copa América, num jogo que deu o título ao Uruguai. Quais as diferenças entre essa vitória e este novo triunfo, seis anos depois?

Diego Montserrat: Sim, essa foi a primeira vez para nós e foi muito valorizada no seu momento. Porém, comparando com esta vitória , não foram conquistas muito próximas no tempo. De resto, por alguma razão o Brasil é a melhor equipa do mundo! Ao fim de muito tempo de trabalho conseguimos vencê-los e isso é um grande incentivo.

Diego Montserrat agarra a bola, em antecipação a Ricardo Villalobos, na partida frente à selecção mexicana, na Copa Latina. O Uruguai venceu por 4-3 e conquistou 3 pontos.

BEACH SOCCER RESTELO: A equipa combinou alguns jogadores mais experientes (Pampero, Fabian, Matias) e algumas novas estrelas, como Bella e Marcelo. Esta nova selecção veio para ficar? Actualmente, quais as garantias oferecidas pelo futebol de praia do Uruguai?

Diego Montserrat: O nosso objetivo é a qualificação para a o Campeonato do Mundo na Itália. Há jogadores experientes e um pouco de sangue novo também. Cabe à equipa técnica avaliar o que é melhor para tentar construir um plantel com o melhor que tem. Espero que possamos marcar presença na competição e elevar bem alto o prestígio da nossa modalidade. Aqui no Uruguai temos muito poucas garantias, pois o futebol de praia continua a ser um desporto muito amador, muito diferente do estatuto que hoje tem em outras partes do mundo.

BEACH SOCCER RESTELO: Em Maio, o Uruguai jogará o torneio sul-americana de qualificação para o Campeonato do Mundo 2011. A competição será em Copacabana e apenas três equipas serão qualificadas. Quais são as tuas expectativas para o torneio? Achas que o Uruguai pode ganhar o título e tornar-se campeão da América do Sul?

Diego Montserrat: Façamos o nosso melhor, sendo que o objectivo principal é alcançar uma vaga das 3 em jogo, mas tudo o que venha é bem-vindo! Eu acho que a conquista da Copa Latina indica que o Uruguai está a fazer um bom trabalho, mas temos de ir passo a passo. Se nos for dada a possibilidade de jogar a final, seguramente que nos esforçaremos ainda mais para a ganharmos.

BEACH SOCCER RESTELO: Como um guarda-redes experiente, com muitos anos de futebol de praia pela equipa equipe uruguaia, quais são as tuas recordações mais vivas? E como encaras essas lembranças?

Diego Montserrat: Ao longo da minha carreira, eu tenho experimentado bons momentos e outros maus, ou ambos! Vou tentando valorizá-los pelo que eles são, apreciar os bons e aprender com os maus, e deixar a minha experiência para os jovens.

Diego Montserrat já conquistou vários prémios individuais, entre os quais o de melhor guarda-redes do torneio sul-americano de apuramento para o Mundial 2009.

AGRADECIMENTO

Mais uma vez, agradecemos ao Diego por ter colaborado connosco, contribuindo para a expansão do BEACH SOCCER RESTELO, tendo em vista horizontes mais alargados. Continuaremos a seguir atentamente o futebol de praia sul-americano no decorrer do ano lectivo!

Nota: O tradutor automático da Google foi uma preciosa ajuda na retroversão e tradução do texto, entre o português e o castelhano. No entanto, as habituais fragilidades do programa nem sempre possibilitaram uma tradução perfeita, pelo que foi necessária uma adaptação de alguns excertos às diferentes estruturas linguísticas. Esperamos ter mantido sempre o significado original da mensagem e pedimos desculpa ao Diego por alguma eventual interpretação interpretação das suas palavras.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: